Três semanas de inglês para Medicina na Inglaterra para alunos que tenham inglês intermediário-alto ou avançado, no mínimo

Se você é um profissional da área da Saúde ou aluno universitário que queira melhorar o seu inglês em contexto relevante para a sua carreira, esse curso é ideal para você.

Para quem trabalha na área da Saúde, é importante ser altamente preciso e claro na sua comunicação, mas também é preciso ter tato e sensibilidade. Durante o curso, o aluno desenvolve essas habilidades linguísticas em uma variedade de contextos, de form que desenvolva o entendimento da linguagem técnica, uma vez que muitos dos livros utilizados nos cursos de Medicina no Brasil são em inglês, além de possibilitar aos alunos que participem de congressos internacionais ou planejem uma futura especialização no exterior.

Orientações para o OET (Teste de Inglês Ocupacional), combinado com um plano de estudos, podem ser incluídas no programa de quem deseje fazer o exame. Consulte-nos sobre essa possibilidade.

Até o fim do curso o aluno terá:

  • Estudado a língua em diversos contextos;
  • Aprendido a se comunicar de forma eficaz com pacientes e colegas;
  • Aumentado a sua consciência de terminologia especializada;
  • Analisado cenários de casos reais;
  • Aprendido a lidar com situações desafiadoras;
  • Visitado um dos excelentes museus-hospitais de Londres.
  • Tido tutoria particular com o seu professor para discutir o seu progresso e planos futuros.

Requisitos:

  • Ter mais de 20 anos;
  • Nível de proficiência em inglês: B2 to C2 (intermediário- alto a avançado, no mínimo)

Se esse não for o seu caso, existe a possibilidade de fazer um curso de inglês geral em qualquer altura do ano, de no mínimo uma semana, com 24 horas/aula por semana e no final desse curso, ter quatro horas/aula direcionadas para Medicina.