Existem diversas razões pelas quais a Nova Zelândia tem se tornado um destino cada vez mais procurado para quem quer estudar fora.  A mais óbvia é o fato de que o país, que tem uma superfície um pouco maior do que o estado de São Paulo, oferece desde praias paradisíacas até estações de esqui de primeira categoria, passando também por aquelas paisagens que encantaram o mundo no filme O Senhor dos Anéis.

Entre tanta diversidade, existem cidades cosmopolitas e seguras, que têm uma vida cultural vibrante e excelentes oportunidades para que nossos estudantes possam se desenvolver, aperfeiçoar o inglês e fazer muitos amigos: os neozelandeses, carinhosamente conhecidos como ‘kiwis´ (uma homenagem a um pássaro típico região, não à fruta), tem na simpatia uma de suas maiores características.

la-zeppa.jpg

Mas não é só isso: a The Economist Intelligence Unit, uma publicação especializada da renomada revista britânica, acabou de colocar o país em primeiro lugar em seu Índice Global de Educação para o Futuro. Eles explicam que o currículo baseado em habilidades úteis para o futuro, elaborado junto à indústria, e a alta qualidade de seus professores, abre as portas dos estudantes para uma carreira brilhante.

Com uma infraestrutura excelente e um sistema que privilegia o pensamento crítico e independente, a escola neozelandesa prepara seus alunos para uma realidade complexa: o Relatório de Emprego no Futuro do Fórum Econômico Mundial de Davos explica que, em 2020, será necessária uma força de trabalho especializada justamente na solução de problema, pensamento crítico e criatividade.

103 ICCE INTERCÂMBIO CULTURAL VIAGENS E TURISMO LTDA-001.jpg

Venha conhecer os programas na Nova Zelândia oferecidos pelo ICCE, uma agência reconhecida pelo Education New Zealand pela qualidade dos serviços e pela contribuição a experiências positivas entre os alunos.