Taissa Pimentel group - More than English.jpeg

No último dia 8 de julho, a estudante carioca Taissa Pache Pimentel de 13 anos dava início a uma experiência fantástica em Ludlow na Inglaterra. Em cerca de três semanas na Summer School, ela iria conviver com estudantes de todo o mundo, fazer uma verdadeira imersão no aprendizado do inglês e, de quebra, aproveitar para praticar uma de suas paixões, a dança.

taissa.jpg

Logo no primeiro dia, ela foi apresentada aos novos colegas e à equipe em uma atividade ao ar livre no campus. “O prédio principal, onde a gente tinha as aulas, e os dormitórios,  são cercados de um espaço aberto muito verde”, conta Taissa. “De manhã, a gente tinha três horas de aula e, depois do almoço, começavam as atividades. Era bem dividido e isso foi muito legal”.

De fato, a ideia do programa é oferecer uma experiência que não termina na sala de aula para favorecer a interação entre os alunos, sempre com a supervisão e orientação dos monitores. Dentro do campus, essas atividades variam desde esportes convencionais, como natação e hockey, até uma inusitada partida de Bubble Football Wresting.

Para Taissa, uma de suas atividades favoritas foi ensaiar e preparar uma apresentação de dança no teatro da escola.

Outra, foi a produção de um filme! “Depois do almoço, a gente fazia uma oficina de cinema e sempre gravava um pedaço. O resultado, de quase uma hora, foi apresentado para todos os alunos no último dia”, conta.

Ela ainda mantém contato com as amigas que fez durante a experiência, uma menina da Inglaterra, uma da Alemanha e duas francesas. Com elas, se esbaldou em um dia de compras em Londres – uma das atividades externas que acontecem todas as quartas-feiras e nos fins de semana.

IMG_6072-HIGH-DEF-ORIGINAL-1038x576.jpg

O balanço da experiência foi tão positivo, que Taissa não hesita: “Tenho falado com as minhas amigas e a gente já combinou de voltar no ano que vem. Eu gostei de tudo!”.