O SoHo em Nova Iorque é sem dúvida um dos bairros mais badalados da ilha de Manhattan desde a década de 1970. Naquela época, muitos artistas se mudaram para a região, que havia sido uma zona industrial, e reaproveitaram os sótãos dos edifícios históricos tanto para as suas galerias como para fins residenciais, criando o conceito de “loft” que conhecemos hoje.

NY1.jpg

O nome SoHo é uma abreviatura de “South of Houston”, indicando que se trata da região sul da rua Houston, além de ser um trocadilho com o famoso bairro do Soho em Londres.  A história do SoHo é um exemplo arquetípico de regeneração do centro da cidade, abrangendo desenvolvimentos sócio-econômicos, culturais, arquitectónicos e políticos.

Apesar de na década de 1970 o bairro ter se tornado em um reduto de artistas, mais recentemente, a zona ganhou uma grande quantidade de lojas de luxo do mundo inteiro e se transformou em uma região mais comercial que artística. Atualmente, o SoHo é o lugar para ver e ser visto, esbarrar em atores e modelos famosos, fashionistas e personalidades internacionais, mas principalmente, para fazer compras em alto estilo!

A noite no SoHo não é menos animada e além das lojas ficarem abertas até tarde, há muitos restaurantes e bares na região e o desfile de tendências não pára.

NY3.jpg